Rute inaugura quatro núcleos: em São Paulo (SP), Salvador (BA), Recife (PE) e Teresina (PI)
   

Foram inaugurados hoje, dia 15/7, quatro núcleos da Rede Universitária de Telemedicina (Rute), projeto coordenado pela Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP) e integrado ao programa Telessaúde Brasil Redes. Os beneficiados foram o Hospital Sírio Libanês (HSL), em São Paulo, o Hospital Getúlio Vargas (HGV), em Recife (PE), a Maternidade Dona Evangelina Rosa (MDER), em Teresina (PI) e o Hospital São Rafael (HSR)), em Salvador (BA).

A cerimônia de inauguração conjunta teve início no Hospital Sírio Libanês, com o discurso do superintendente de novos negócios do hospital, Dr. Fábio Gregory, e contou com a presença do coordenador nacional da Rute, Luiz Ary Messina, do gerente de inovação da Rute, Paulo Roberto Lopes, e dos diretores dos hospitais, José Roberto Santos Cruz (HGV), Alfredo Martini (HSR) e Josué Nascimento (MDER), que dividiu sua apresentação com o integrante do Comitê de Ética, Joaquim Vaz Parente, e com o coordenador de telemedicina, José Araujo Brito.

Houve transmissão por vídeo conferência para que os núcleos a serem inaugurados e os núcleos já existentes participassem tempo real. Participaram do evento as coordenadoras dos núcleos de telessaúde do Hospital de Reabilitação de Anomalias Craniofaciais da Universidade de São Paulo (HRAC-Centrinho), Jennifer Dutka, e da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Magdala Moraes; o superintendente do Hospital São Paulo (HSP), José Roberto Ferraro,  a coordenadora do Comitê Gestor da Rede Metropolitana de Salvador (Remessa), Claudete Alves, e representantes da Secretaria de Estado do Planejamento de Sergipe (Funesa).

Com as novas inaugurações, a Rute passa a ter 97 núcleos inaugurados e em plena operação, localizados em hospitais universitários e de ensino, em todos os estados do Brasil. A rede está integrada ao Programa Telessaúde Brasil Redes, uma iniciativa do Ministério da Saúde que busca melhorar a qualidade do atendimento e da atenção básica no Sistema Único da Saúde (SUS), integrando ensino e serviço por meio de Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) para promover a Teleassistência, a Teleducação, a pesquisa colaborativa, a gestão e a avaliação.
   
Entre outros objetivos, a Rute integra e conecta todos os hospitais públicos universitários e de ensino, cria formalmente núcleos de telemedicina, apoia a realização de videoconferências, análise de diagnósticos, segunda opinião formativa, e educação permanente entre hospitais universitários e universidades, através  da  Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP), além de permitir a integração com secretarias estaduais e municipais de saúde, unidades básicas de saúde e hospitais do interior.  Atualmente, a Rute possui 67 Grupos de Interesse Especial em várias especialidades e subespecialidades da saúde, com 600 sessões por ano de vídeo e web conferências.

RECONHECIMENTO INTERNACIONAL – Em 2012, a iniciativa, considerada uma das maiores do mundo, recebeu a qualificação de melhor prática em telemedicina na América Latina e Caribe pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), pela Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) e pela Comissão Econômica para América Latina e Caribe (CEPAL).  Desde então, a Rute tem servido de exemplo de inovação em colaboração científica em rede; implantação de núcleos de telemedicina e telessaúde; assistência remota; educação continuada; prática e produção científica nessa área; e integração entre profissionais de saúde e acadêmicos em todas as regiões do país.
 






ícone Lupa
ícone Lupa

Restringir à: Título Sub-Título Descrição Conteúdo

Data de Início: Data Fim:

Restringir a busca por conteúdos do tipo: Notícia

 


Notícias RNP em RSS

Você pode receber todas as notícias da RNP em seu computador assim que elas são publicadas, sem precisar visitar o site. O conteúdo desta área é distribuído em formato RSS.